18 de agosto de 2014

Índice de confiança do empresário do comércio de Maceió diminui ritmo de queda

A pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), em parceria com o Instituto Fecomércio/AL, que avalia as expectativas econômicas dos empresários do setor de comércio de Maceió, demonstra que em julho a confiança caiu novamente, mas em um ritmo bem mais lento.
A pesquisa sobre o Índice de Confiança Empresário do Comércio de Maceió (ICEC) indica declínio pelo terceiro mês consecutivo nas expectativas. O ICEC desceu 0,9% entre junho e julho, de 116,3 para 115,3 pontos.
Comparando com o mesmo mês do ano passado, ocorreu uma evolução de 0,4% (114,8 contra 115,3 pontos). Na média, em 2014 o ICEC atingiu 121,7 contra 125,6 pontos registrados em 2013.
De acordo com a CNC, o indicador da confiança empresarial medido para o Brasil recuou 1,6% de junho para julho, enquanto para o Nordeste avançou 0,4%. Em comparação com o mesmo mês do ano passado, o índice para a região nordestina recuou 4,9% e para o Brasil 7%. Para Alagoas, esse movimento foi positivo (0,4%).

Na análise do Instituto Fecomércio de Estudos, Pesquisas e Desenvolvimento (IFEPD), a confiança do empresário do comércio maceioense voltou a cair em julho em um ritmo bem inferior ao registrado mês passado porque nesse período as expectativas do País estavam em torno da realização da Copa do Mundo. Os empresários de alguns segmentos comerciais previam resultados desfavoráveis, com o fechamento de suas atividades em jogos da seleção brasileira. Como a atividade voltou ao normal a partir da segunda quinzena do mês, as expectativas melhoraram em relação ao mês passado.
A pesquisa completa está disponível no site http://www.fecomercio-al.com.br/ifepd/

18 de agosto de 2014

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *