18 de março de 2020

Fecomércio orienta setor sobre o coronavírus

Entidade pede cautela e recomenda que sejam evitadas situações que possam desencadear pânico

Em meio às incertezas provocadas pela pandemia do COVID-19, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Alagoas (Fecomércio AL) pede cautela ao setor, recomendando que sejam evitadas situações que possam desencadear pânico. A entidade está atenta aos possíveis desdobramentos que venham a impactar os recursos materiais e humanos e iniciou uma pesquisa para mensurar os potenciais reflexos deste cenário na economia das empresas. O levantamento irá subsidiar futuras ações da Fecomércio em defesa dos interesses do setor.

Num primeiro momento, considerando as orientações dos órgãos oficiais e dos especialistas em saúde coletiva, principalmente no âmbito preventivo, a entidade ressalta a importância das empresas orientarem seus colaboradores acerca dos cuidados básicos para diminuir o risco de contágio:
– Lavar as mãos com água e sabão ou higienizá-la com álcool em gel 70%;
– Manter o ambientes bem ventilados;
– Cobrir a boca e o nariz ao tossir ou espirrar;
– Não compartilhar objetos de uso pessoal, tais como talheres e copos;
– Evitar aglomerações e contato físico.

A Fecomércio continuará a somar esforços, incluindo Sesc e Senac, entidades do Sistema, para dentro de sua área de atuação adotar medidas que venham a contribuir para que as empresas passem por este momento com os menores impactos possíveis.

18 de março de 2020