27 de novembro de 2013

Confiança do empresário de Maceió se eleva pelo 4° mês consecutivo

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC), pesquisa que avalia as expectativas econômicas dos empresários do setor de comércio de Maceió, mostra que o índice subiu 4%, em novembro, e alcançou 129,4 pontos numa variação de 0 a 200. Segundo o Instituto Fecomércio de Estudos, Pesquisas e Desenvolvimento (IFEPD), este é o maior nível desde junho, e segue em crescimento contínuo desde julho. A pesquisa foi realizada pela Confederação do Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).
Em relação ao ICEC, são considerados como ideais resultados acima de 100 pontos. Este índice é composto por outros três: o Índice das Condições Atuais do Empresário do Comércio (ICAEC); o Índice de Expectativa do Empresário do Comércio (IEEC); e o Índice de Investimento do Empresário do Comércio (IIEC). O ICEC é composto também por outros indicadores para assegurar uma visão mais aproximada sobre a situação e expectativas dos empresários do setor de comércio.
Em comparação com outubro, o índice com melhor desempenho em novembro foi o das Condições Atuais do Empresário do Comércio (ICAEC), que cresceu 8,9%, saindo de 94,5 para 102,9 pontos. Neste índice também contou o desempenho das Condições Atuais da Economia (CAE), que obteve 5,3% de crescimento. Já o Índice de Investimento do Empresário do Comércio (IIEC) avançou 3,1%, saindo de 121,4 para 124,8 pontos em novembro. O melhor desempenho dentro deste índice foi o de Situação Atual de Estoques (SAE), com crescimento de 6,1%.
Por sua vez, o Índice de Expectativas do Empresário do Comércio (IEEC) cresceu 2% este mês quando comparado com outubro. Destaque para a Expectativa da Economia Brasileira (EEB), que registrou crescimento de 6,3%.

ANÁLISE
Para o Instituto Fecomércio/AL, os dados revelam que os empresários do setor estão com boas expectativas para o final de ano, tanto sobre a economia brasileira quanto a local. Os dados demonstram, ainda, que as empresas estão preparadas para atender o volume de vendas de final de ano. Para ter acesso à pesquisa completa, entre pelo site http://www.fecomercio-al.com.br/ifepd/ .

27 de novembro de 2013