14 de outubro de 2013

Diretor da Fecomércio-SC discute economia com empresários alagoanos

A convite do presidente da Fecomércio Alagoas, Wilton Malta, o diretor executivo da Fecomércio Santa Catarina e integrante da Comissão Nacional de Convenções Coletivas (CNCC), Marcos Arzua, se reuniu no último dia 14 com presidentes de sindicatos alagoanos e empresários para analisar o cenário econômico e as influências no setor.

Ressaltando a necessidade de o setor produtivo ficar atento ao aumento da inflação, Arzua citou indicadores do comércio provenientes do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômico (Dieese) para subsidiar os dirigentes sindicais para as negociações salariais. De acordo com os dados de 2012, o volume de vendas do comércio varejista encerrou o ano acima do crescimento do PIB (8,5% e 0,9%, respectivamente).

O cenário registrou crescimento baseado no dinamismo do mercado interno, ou seja, aumento do salário mínimo, reajustes dos pisos mínimos regionais, programas de transferência de renda e crescimento do volume de crédito.

A economia internacional também foi objeto de comentário ao considerar os impactos no Brasil como a educação da demanda externa e deterioração dos termos de troca – cenário internacional deflacionário. Além do menor saldo da balança comercial, entrada de investimento externo e pressão para desvalorização do real.

Malta agradeceu a presença de Arzua e destacou que esses encontros são importantes para alertar o empresariado e alinhar as demandas do setor. Além dos presidentes dos sindicatos afiliados à Fecomércio, Sirecom, Sircal, Sincofarma, Sindilojas Penedo, Palmeira, Arapiraca e União, participaram a Associação Comercial e Sincomércio.

14 de outubro de 2013